Apenas um olhar sobre Parada de Gonta. Uma visão da realidade de ontem, de hoje, de sempre. A Aldeia que foi musa do Poeta, dos Poetas, Tomás Ribeiro, Branca de Gonta Colaço, Rodrigo de Melo...e berço de muitos artistas!
Quinta-feira, 29 de Setembro de 2005
ESTAÇÃO Caminhos-de-Ferro de PARADA DE GONTA!

Armazem.Estacao. Parada de Gonta.jpg

Durante muitas décadas assumindo-se como o único transporte entre os pontos mais longínquos do País, o comboio a vapor viria a sucumbir na década de setenta substituído pelos transportes rodoviários. Desde então todo o património da então CP- Companhia Portuguesa dos Caminhos de Ferro, na linha do Dão, está ao abandono, salvo raras excepções por recuperação de terceiros.
Não sendo excepção, a estação de Parada de Gonta, outrora ponto de partida e chegada de mercadorias e pessoas constituindo-se como base fundamental de mobilidade para uma vasta região, possui hoje uma imagem degradante que não honra ninguém.

Comboio. Estacao de Viseu.retirada. bemaberto.blogspot.com.jpg
“Inventado em Inglaterra em 27.9.1825, o ‘Cavalo a Vapor’ cedo conquistaria o mundo, em especial o espaço Europeu, sendo Portugal o 14.º País a possuir a ‘grande maravilha a vapor’ quando em 28.10.1856, se inaugurou o primeiro troço ferroviário. (1)
Factor de grande desenvolvimento na época, o comboio a vapor constituía-se como única via de acesso entre o litoral e o interior, entre os grandes pólos e os pequenos povoados rurais. O transporte de pessoas, mercadorias e correio, permitiam um progresso mais abrangente e mais acessível a todos.
A linha do Dão que liga Santa Comba Dão a Viseu passando por Parada de Gonta, foi inaugurada em 1890, numa altura em que Tomás Ribeiro era Ministro no governo de Fontes Pereira de Melo.


Estacao Parada de Gonta.Casas de Banho.JPG estacao.placa sinalizacao.jpg

Tomás Ribeiro foi um grande impulsionador dos Caminhos-de-ferro. Soube honrar a sua região e em particular a sua Terra dando à Estação de Caminhos-de-ferro o nome de Parada de Gonta, que ainda hoje ali se encontra, em letras bem visíveis e que ninguém poderá apagar. Trata-se além de mais, de um símbolo histórico e de uma honra para todos os Paradenses retratando a memória de um antepassado ilustre a quem o País, em particular Parada de Gonta, muito deve!

Numa sessão extraordinária da Junta da Paróquia de Sabugosa (freguesia vizinha), a propósito da inauguração do Caminho de Ferro, lavrada em acta no dia 17 de Novembro de 1890, foi registado um voto de louvor que não resistimos a transcrever «…sabendo a Junta que à festa de inauguração do mesmo Caminho preside o Ilustríssimo e Excelentíssimo Senhor Conselheiro Tomás António Ribeiro Ferreira, Ministro das Obras Públicas e Minas Comércio e Industria que tanto tem trabalhado e desde largos anos para a realização deste importante melhoramento de que em grande parte lhe somos devedores (…) propondo nesta ocasião que se consigne na acta um voto de louvor e agradecimento àquele nosso benemérito e nobre patrício. Esta proposta que estava no ânimo de todos os membros da Junta foi unanimemente aprovada, resolvendo-se em seguida que desta acta se tire uma cópia autêntica que será entregue ao nobre Conselheiro, em testemunho da gratidão de todos os filhos de Sabugosa
(2)



No dia 5 de Junho de 1894, a Rainha D. Amélia efectuando uma visita ao balneário das Termas de S. Pedro do Sul, quis homenagear as gentes da Beira e em particular o Conselheiro Tomás Ribeiro. A sua viagem de comboio teve três paragens: Em Alfarelos para almoço, em Tondela e em Parada de Gonta, como consta da notícia da época, no Jornal “A Folha” de 5 de Junho de 1894.

A Estação de Parada de Gonta foi, como se depreende, um enorme factor de desenvolvimento local. Ali chegavam e partiam pessoas e mercadorias não só da Freguesia mas de muitas das localidades da região.O comboio servia as populações para as suas deslocações aos grandes centros urbanos. Tondela, Viseu, Lisboa… Era no comboio que vinha a matéria-prima e seguiam as encomendas que faziam o progresso da Fábrica de Lanifícios “Videira”.

Os soldados que serviam Portugal, apanhavam ali o transporte para os diversos quartéis militares de todo o País. E o comboio, na sua passagem, dava o sinal sonoro atravessando serras e vales, numa tal pontualidade horária permitindo a substituição do relógio que o agricultor não podia comprar.
Estacao Parada de Gonta. abandonada.jpg
Que futuro para a Estação de Parada de Gonta?

(1) Cruz, J. – Linhas Ferroviárias Dão e Vouga.Retrospectiva.CNE Região Viseu.1991
(2) Pires, A. – Sabugosa e Sua Gente.Edição da Câmara Municipal de Tondela.2001



publicado por paradadegonta às 00:45
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
|

mais sobre mim
arquivos

Março 2017

Janeiro 2017

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

posts recentes

Assim nasce uma nova era....

Imagens que fazem a histó...

...

PARADA DE GONTA, SEMPRE!

E, por fim, TONDELA!

LEMBRANDO...

(...6) Em SINES e...

(...5) Em Carnaxide!

(...4) Em Coimbra!

Parada de Gonta,Terra de ...

(…3) Em Reguengos de Mons...

GILBERTO AMARAL. Casament...

(...2) Na Serra!

Parada de Gonta, pelo Paí...

Dos EUA a PARADA de GONTA...

...

PERCURSOS PEDESTRES!

PÁSCOA DE HOJE. PÁSCOA DE...

ESTAMOS EM TRABALHOS DE M...

MANUEL VIEGAS. Um Coração...

SIMBOLOS DE OUTROS TEMPOS...

A PRIMAVERA ENTROU POR AQ...

CORES DA NATUREZA. PERFUM...

PARADA DE GONTA EM FESTA ...

RODRIGO EMILIO.Poeta de P...

O CICLO DA BROA.

PARADA de GONTA. Continua...

NATAL de PARADA de GONTA!

FESTA À N.ª Srª da CONCEI...

CASAS DA ALDEIA!

Parada de Gonta Reconhece...

PARADA DE GONTA, Arqueoló...

Lembrando Os Que Já Parti...

QUINTAS de Parada de Gont...

Escola do 1.º Ciclo, Para...

Casas Típicas da Aldeia!

ESTAÇÃO Caminhos-de-Ferro...

A Descendência Artística ...

Ainda. As Noites da Aldei...

A NOITE COM ELA...

08 de Julho de 1880 - 08 ...

1 de Julho de 1831 – 1 de...

...

FONTES DA ALDEIA!

PARADA DE GONTA, 121 ANOS...

PARADADEGONTA RECONHECE O...

Fábrica de Lanifícios. 10...

...

Ainda as Festas Populares...

A convite de um Amigo...

Viagem Segura
ROMARIA
Grupo do Tacho
usatacho
...
Gilberto Amaral
Arte p 1 Canudo
Dennis Amaral
Luísredevil
Rodrigo Emilio
...
Ass.AmigosPGonta
ADRCPGonta
Escola PGonta
Sant’Ana.05
Website PGonta
...
AZORIANA geminada
(ParadadeGonta&Serreta)
IncertosMomentos
SegundaVida
Terena
Visitantes
Free Web Counter

VOCE ESTÁ AQUI
online

BOA VIAGEM...



pesquisar